Otimize a relação com seus fornecedores e qualifique suas operações de Logística Inbound, com organização e agilidade a partir da automatização de processos relacionados com recebimento de carga.

Acompanhe indicadores de desempenho logístico e eleve o nível de suas operações de Logística Outbound com a integração de processos e automatização da troca de informações para maior visibilidade e eficiência de sua gestão.

Obtenha dados de suas vendas no varejo e de distribuidores para aumentar vendas, reduzir rupturas e perdas com informações compartilhadas para estruturar seus processos e auxiliar seu gerenciamento.

Aumente a sua demanda de transportes e seja encontrado por Embarcadores de todo o país.

Facilite a comunicação entre sistemas de gestão e diferentes bancos por meio da transferência de arquivos de forma ágil, íntegra e segura.

    Um sistema capaz de atender os processos de negócios de seus clientes empresariais sem necessitar o investimento em desenvolvimento de sistemas internos.

    O PagPlan é uma solução que permite o pagamento das principais contas de concessionárias (como água, luz, gás, etc.) e DETRANs: utilizando o cartão de crédito como meio de pagamento.

      O EDI Business é uma solução altamente customizável para gestão operacional e estratégica de arquivos.

      O EDI Enterprise oferece uma infinidade de recursos de intercâmbio de informações baseado em um conjunto de regras de envio e recepção, múltiplos protocolos de comunicação, além de topologia altamente flexível.

      Inovação e tecnologia aplicados a emissão, recebimento e armazenamento de documentos fiscais eletrônicos.

      Tecnologia para conectar transportadoras e embarcadores com inteligência e compliance.

      Blog

      Gestão de Vendas e VMI

      6 dicas para garantir a otimização da gestão de frete do e-commerce

      5 meses atrás - por:

      otimização de gestão de frete

      Buscar a otimização de gestão de frete é um ponto crucial para o e-commerce, tendo em vista se tratar do processo que envolvem o acompanhamento das mercadorias da empresa, desde a sua saída até o destino final, influenciando diretamente na satisfação dos clientes.

      No entanto, para garantir um resultado satisfatório para ambas as partes, é importante que esse ciclo seja executada em prol de alguns objetivos, como a redução de custos, sem perder a qualidade das entregas, cumprir os prazos e proporcionar uma experiência satisfatória para o comprador. Para que isso seja possível, elaboramos este conteúdo com algumas dicas. Confira!

      1. Realize a previsão de demanda

      É muito importante estar atento às demandas do mercado, principalmente nas datas sazonais, onde acontecem maiores buscar por entrega. Sendo assim, confira o histórico de vendas de anos anteriores, veja em quais períodos ocorreram maiores envios, elabore uma estimativa e veja o que deve ser feito para se preparar para esses momentos e garantir um serviço de entrega eficaz.

      2. Planeje as rotas

      Entre os maiores custos que envolvem o valor do frete, está o gasto com combustível. Para minimizar esse montante e otimizar as rotinas de entrega, é preciso criar um planejamento de rotas efetivo. Dessa forma, os trajetos são aperfeiçoados, o que permite realizar mais entregas com um gasto operacional menor. Além disso, as entregas passam a se realizar de forma mais rápida, o que também contribui para a satisfação dos clientes.

      3. Negocie com as transportadoras

      No decorrer das negociações, é necessário explicar aos transportadores em quais regiões o e-commerce precisa de preços mais atrativos. Nesse caso, você pode solicitar descontos em troca de fazer os pagamentos à vista, por exemplo. Dessa forma, consegue criar uma parceria duradoura e garantir a eficiência das atividades, especialmente na alta demanda.

      4. Acompanhe os indicadores de desempenho

      Também conhecidos como KPI’s, ajudam o gestor a identificar se a aplicação dos recursos estão sendo suficientes para alcançar os objetivos, custos operacionais, tempo de parada do veículo para manutenção, gastos com trocas e devoluções, e demais registros que podem contribuir para o aprimoramento e eficiência dos processos.

      5. Desenvolva a logística reversa

      O frete está diretamente ligado na política de troca e devoluções de produtos. Isso porque, pode acontecer de algumas mercadorias serem devolvidas para o depósito, seja por motivos de trocas de produtos ou desistências. É importante ressaltar que os consumidores de e-commerce têm o direito de desistir da compra pelo prazo de até sete dias depois do recebimento do item. Então, é importante estar preparado caso esse problema ocorra.

      Uma alternativa é oferecer a logística reversa, que consiste no retorno da mercadoria do endereço do comprador para a loja. Disponibilizar esse serviço vai demonstrar que a marca se preocupa em ofertar o melhor caminho para solucionar imprevistos com os seus clientes.

      6. Aposte na automação

      Outra prática que vai contribuir para a otimização de gestão de frete e contar com um bom sistema de gestão que permita o acompanhamento de fatores essenciais para um gerenciamento eficiente, por exemplo:

      • cálculo do custo de frete;
      • monitoramento da qualidade do serviço ;
      • gerenciamento das transportadoras;
      • definição das melhores rotas, entre outros.

      Compreender esses números vai permitir que os gestores possam avaliar o desempenho das atividades ao longo dos processos e detectar as atividades que estão funcionamento bem daquelas que precisam melhorar.

      Ao colocar em prática essas dicas de otimização de gestão de frete, você vai conseguir evitar diversas consequências, como o aumento de custos, problemas de entregas dos produtos ao destino final, problemas de relacionamento com os clientes, entre outros que podem afetar diretamente nos resultados do negócio.

      Você tem mais alguma dica para compartilhar com a gente? Então, deixe seu comentário aqui e diga a sua opinião sobre o assunto!

      Comentários sobre este post