Otimize a relação com seus fornecedores e qualifique suas operações de Logística Inbound, com organização e agilidade a partir da automatização de processos relacionados com recebimento de carga.

Acompanhe indicadores de desempenho logístico e eleve o nível de suas operações de Logística Outbound com a integração de processos e automatização da troca de informações para maior visibilidade e eficiência de sua gestão.

Obtenha dados de suas vendas no varejo e de distribuidores para aumentar vendas, reduzir rupturas e perdas com informações compartilhadas para estruturar seus processos e auxiliar seu gerenciamento.

Aumente a sua demanda de transportes e seja encontrado por Embarcadores de todo o país.

Facilite a comunicação entre sistemas de gestão e diferentes bancos por meio da transferência de arquivos de forma ágil, íntegra e segura.

    Um sistema capaz de atender os processos de negócios de seus clientes empresariais sem necessitar o investimento em desenvolvimento de sistemas internos.

    O PagPlan é uma solução que permite o pagamento das principais contas de concessionárias (como água, luz, gás, etc.) e DETRANs: utilizando o cartão de crédito como meio de pagamento.

      O EDI Business é uma solução altamente customizável para gestão operacional e estratégica de arquivos.

      O EDI Enterprise oferece uma infinidade de recursos de intercâmbio de informações baseado em um conjunto de regras de envio e recepção, múltiplos protocolos de comunicação, além de topologia altamente flexível.

      Inovação e tecnologia aplicados a emissão, recebimento e armazenamento de documentos fiscais eletrônicos.

      Tecnologia para conectar transportadoras e embarcadores com inteligência e compliance.

      Blog

      Analytics

      Entenda como funciona a análise de dados para a tomada de decisão

      1 ano atrás - por:

      tomada de decisão

      A tomada de decisão baseada na intuição e na experiência do gestor está se tornando obsoleta. Isso acontece porque a transformação digital exige que as empresas tomem suas decisões com base em dados, o que pode aumentar as chances de sucesso em uma estratégia. Dito isso, é preciso ter o suporte de uma equipe de TI que faça a coleta e análise dos muitos dados que a companhia gera todos os dias, de modo que informações aparentemente desconexas se transformem em um ativo valioso para o negócio.

      Uma empresa que toma suas decisões com base em dados tende a obter diferenciais competitivos com o tempo e uma base de clientes mais fiel à marca. Portanto, trata-se de um componente indispensável à sobrevivência e saúde do negócio no mercado. Continue a leitura do nosso artigo e entenda melhor como a análise de dados impacta a tomada de decisão e de que forma ela pode ser feita.

      O que é coleta de dados?

      É impossível falar em coleta de dados nos dias atuais sem mencionarmos o Big Data. Para que os registros internos da empresa se transformem em informação estratégica, é preciso que eles passem por alguns processos, e um deles é a coleta de dados. Tal procedimento é feito por meio de um software, que capta dados oriundos de diversas fontes, como:

      • planilhas;
      • bancos de dados;
      • documentos e relatórios externos à empresa, com informações sobre o mercado e os concorrentes;
      • interações dos usuários em redes sociais e no site ou blog do negócio.

      Como a análise de dados impacta a tomada de decisão?

      Após a coleta, o software realiza diversos procedimentos com o objetivo de limpar e estabelecer correlações entre os dados analisados. Essa ação se torna ainda mais efetiva por meio da chamada integração entre os setores, que centraliza as informações processadas e dá aos gestores uma visão mais sistêmica.

      Em outras palavras, é possível visualizar uma quantidade de informações muito maior, já que essa integração não ocorria, pois os departamentos trabalhavam com os seus próprios sistemas e os dados ficavam acoplados neles.

      Como fazer análise de dados na empresa?

      Para que a empresa obtenha ganhos reais com a análise de dados, é preciso fazer todas as etapas de maneira cíclica. Portanto, é fundamental que os profissionais estejam sempre atentos, por exemplo, à movimentação do mercado, dos concorrentes e dos hábitos de consumo do público, que podem mudar rapidamente. Para fazer a análise de dados é preciso:

      • ter objetivos e metas bem definidos, para que sejam comparados com os resultados obtidos posteriormente;
      • gerenciar todas as fontes de dados internas e externas do negócio;
      • coletar os dados com o auxílio de um software;
      • avaliar e interpretar as informações obtidas pela análise, para servirem de base para a tomada de decisão;
      • tomar as decisões e criar um planos de ação. Deve-se comparar por meio de indicadores os resultados obtidos com as metas e objetivos traçados no início.

      A tomada de decisão baseada em dados está cada vez mais próxima de substituir a intuição dos gestores. Como vimos, ações podem ser bastante efetivas se tiverem por base os dados de todos os setores de forma integrada, dando uma visão mais ampla do negócio. Vale também reforçar o caráter cíclico da análise de dados, por meio do monitoramento constante dos indicadores de desempenho da empresa.

      Viu como é indispensável adotar a análise de dados na empresa? Continue em nosso blog e confira este outro conteúdo feito para você sobre cultura de dados!

      Por:
      eSales
      do autor

      Comentários sobre este post