Otimize a relação com seus fornecedores e qualifique suas operações de Logística Inbound, com organização e agilidade a partir da automatização de processos relacionados com recebimento de carga.

Acompanhe indicadores de desempenho logístico e eleve o nível de suas operações de Logística Outbound com a integração de processos e automatização da troca de informações para maior visibilidade e eficiência de sua gestão.

Obtenha dados de suas vendas no varejo e de distribuidores para aumentar vendas, reduzir rupturas e perdas com informações compartilhadas para estruturar seus processos e auxiliar seu gerenciamento.

Aumente a sua demanda de transportes e seja encontrado por Embarcadores de todo o país.

Facilite a comunicação entre sistemas de gestão e diferentes bancos por meio da transferência de arquivos de forma ágil, íntegra e segura.

    Um sistema capaz de atender os processos de negócios de seus clientes empresariais sem necessitar o investimento em desenvolvimento de sistemas internos.

    O PagPlan é uma solução que permite o pagamento das principais contas de concessionárias (como água, luz, gás, etc.) e DETRANs: utilizando o cartão de crédito como meio de pagamento.

      O EDI Business é uma solução altamente customizável para gestão operacional e estratégica de arquivos.

      O EDI Enterprise oferece uma infinidade de recursos de intercâmbio de informações baseado em um conjunto de regras de envio e recepção, múltiplos protocolos de comunicação, além de topologia altamente flexível.

      Inovação e tecnologia aplicados a emissão, recebimento e armazenamento de documentos fiscais eletrônicos.

      Tecnologia para conectar transportadoras e embarcadores com inteligência e compliance.

      Blog

      Gestão de Vendas e VMI, Soluções eSales

      Conheça o VMI e suas vantagens para as áreas de Logística e Supply Chain

      1 ano atrás - por:

      vmi

      gestão de estoque em um negócio deve estar entre as prioridades de qualquer empresa. Por meio dela, você tem a oportunidade de otimizar os processos de compras, de prevenir prejuízos e de integrar os setores, além de fornecer relatórios que contribuirão para uma tomada de decisão mais efetiva. Assim, para evitar rupturas, prevenir excessos e diminuir as chances de gerar insatisfação nos clientes, o VMI é uma importante ferramenta para o negócio.

      Com o VMI (sigla para Vendor Managed Inventory, que significa Estoque Gerido pelo Fornecedor), a equipe tem a possibilidade de prever demandas, fugir dos achismos e garantir ganhos para a empresa. Naturalmente, os custos serão reduzidos, além de diminuírem as chances de desperdício de produtos.

      Pensando nisso, elaboramos este material para que você saiba o que é o VMI, quais são as suas vantagens para as áreas de Logística e Supply Chain, além de entender mais precisamente sobre o seu funcionamento.

      Boa leitura!

      Entenda a necessidade do VMI

      Ainda é muito comum que distribuidores conheçam a demanda do seu negócio e façam a previsão de vendas por meio de seu feeling. Então, imagine só a seguinte situação: uma empresa, independentemente de seu segmento, compra mensalmente uma quantidade X de produtos. Esse número pode ser aumentado ou diminuído a partir dos últimos resultados, de acordo com a percepção do gestor.

      No entanto, variáveis externas poderão influenciar esses resultados. Por exemplo, caso um negócio concorrente faça uma campanha de divulgação expressiva de seu produto, além de reduzir o preço de sua mercadoria, naturalmente, é aquela marca que venderá mais por determinado período.

      Caso o distribuidor continue a identificar as suas necessidades de compras por meio de achismos, esses pontos passarão despercebidos, ocasionando estoque acumulado e, também, perdas financeiras. É nesse momento que é preciso contar com uma ferramenta que auxiliará na gestão, permitindo que haja um controle mais específico da saída de produtos e que possa garantir a satisfação de seus clientes.

      Saiba o que é o VMI

      Agora que você já entendeu sobre o principal contexto no qual o VMI é necessário, vamos entender um pouco mais sobre a ferramenta. Para Guilherme, executivo de contas da eSales, utiliza-se o termo VMI para se definir o uso da tecnologia (na maioria dos casos com Inteligência Artificial) que vai substituir a suposição de informações na cadeia de suprimentos:

      “Ela tem como objetivo repor o estoque de maneira mais eficiente, para vender mais ou deixar de perder dinheiro quando há uma saída menor dos produtos”, afirma.

      Aquele gestor que faz as suas compras a partir de seus resultados mensais, consequentemente, poderá ser surpreendido com algum fator externo, até mesmo relacionado ao período do ano. Assim, o VMI monitora algumas questões, como:

      • preço;
      • quantidade disponível em estoque;
      • comportamento da demanda na região;
      • comparativo de vendas diárias, semanais ou mensais, de acordo com a necessidade.

      Em um cenário de pandemia, por exemplo, naturalmente, há influência nas vendas de produtos. O setor alimentício tem se destacado na saída de insumos, enquanto outras áreas sofreram uma diminuição considerável de procura.

      Tanto a empresa que se destaca no mercado quanto aquela que está em um período de pausa podem sofrer prejuízos ao gerir o seu estoque por meio do feeling. A primeira poderá perder vendas, uma vez que os números estão bem acima do convencional. A segunda terá excesso em seu estoque, o que causará perdas significativas para o fluxo de caixa.

      Conheça as principais vantagens do VMI

      Além dos pontos que já mencionamos, o VMI conta com algumas outras vantagens que devem ser destacadas. Entre elas, a visualização unificada dos estoques, bem como o planejamento de maneira mais eficaz de todas as compras. Assim, é possível entender e conhecer o histórico do seu negócio e identificar quais são as suas atuais necessidades, o que gera um melhor controle de demanda.

      Deve-se destacar, ainda, ganhos de eficiência operacional, de logística e de produção, bem como uma gestão mais automatizada. No caso de alto consumo de produtos — como no contexto observado mais acima —, haverá alertas frequentes para o preparo da empresa, bem como redução de custos e fidelização com o fornecedor.

      Consequentemente, serão observados ganhos no faturamento, além de trazer a possibilidade de a equipe se dedicar por um tempo maior nas atividades mais estratégicas, especialmente pelo fato de que preocupações mais burocráticas serão automatizadas — sem depender necessariamente do distribuidor e do seu feeling para o aval final.

      A seguir, acompanhe as principais vantagens proporcionadas pelo VMI.

      Redução de custos

      Quando o estoque tem itens em quantidade além do necessário, isso pode significar dinheiro parado e prejuízo, sendo que essa situação se agrava quando os produtos são perecíveis. No momento que a empresa adota o VMI, ocorre uma otimização, de modo a evitar tanto estoques em excesso como em falta. Economizando recursos, a indústria pode direcionar investimentos a setores que sofrem de alguma deficiência ou precisam de modernização, por exemplo.

      Ajuste da produção para atender à demanda

      Vários fatores impactam o comportamento da demanda. Além disso, existem elementos que fogem do controle da indústria, como circunstâncias de ordem econômica ou até mesmo política. Portanto, o VMI é bastante útil na hora de ajustar a produção e atender à demanda, evitando que as decisões sejam guiadas somente pela intuição dos gestores.

      Mesmo que os gestores tenham experiência e expertise de mercado, é preferível adotar na indústria uma cultura que seja orientada a dados. Nesse sentido, a Inteligência Artificial adotada no VMI pode ajudar bastante, mostrando informações que antes passavam desapercebidas, contribuindo no ajuste de produção.

      Excelência operacional

      Fazer a gestão da logística industrial é algo que deve ser o mais eficiente possível. O uso de tecnologias voltadas para a automação e a Inteligência Artificial se tornaram indispensáveis na excelência operacional, em virtude da análise e do tratamento de dados, bem como da diminuição considerável no tempo de execução de algumas atividades manuais.

      Dito isso, o VMI auxilia na diminuição de erros operacionais da área logística, aumentado a confiabilidade e a precisão das atividades. Assim, a indústria pode eliminar gargalos e processos desnecessários, que outrora eram fonte de prejuízo, lentidão e ineficiência.

      Precisão das informações

      Mais que entregar informações que sirvam de base na tomada de decisão, o VMI as fornece de forma precisa, principalmente com o auxílio da Inteligência Artificial. Assim, a logística passa a ser mais eficiente, reduzindo um importante indicador: o lead time. Em poucas palavras, o objetivo do lead time é medir o tempo entre a realização de um pedido pelo cliente até a chegada da mercadoria no seu destino.

      No caso da indústria, esse tempo pode ser maior que em outras empresas, porque é feita a aquisição de insumos junto aos fornecedores antes de o produto ser fabricado. O VMI é de grande importância nesse sentido, pois a otimização do estoque pode auxiliar na redução do lead time.

      Fidelização entre fornecedor e cliente

      O VMI pode ser decisivo na hora de firmar contratos duradouros com os clientes. Um bom gerenciamento de estoques e pedidos é tudo aquilo que uma empresa de qualquer setor precisa, pois esta também tem o compromisso de satisfazer os seus clientes finais.

      Além disso, o lead time, que falamos há pouco, pode ajudar bastante na fidelização. Pois, quando ele é baixo, é sinal de que existe eficiência nos processos logísticos industriais, como a organização, o controle e a otimização dos estoques, de modo a atender rapidamente às mais variadas demandas.

      Entenda como aproveitar ao máximo a ferramenta VMI

      Para que a sua equipe, seja ela de Logística ou Supply Chain, possa aproveitar ao máximo a ferramenta VMI, algumas medidas devem ser tomadas na sua gestão. Entre elas, a definição mais exata de indicadores de visibilidade, justamente porque é preciso que os dados estejam claros tanto para os fornecedores quanto para a própria gestão, de modo que tenha uma comunicação alinhada para trazer mais eficiência a todos os processos.

      Ainda, é preciso buscar apoio de todas as pessoas envolvidas nas etapas, como colaboradores e fornecedores. Além de promover o treinamento de todos os profissionais, para que eles entendam a importância da ferramenta e os principais métodos de uso.

      Testes também são essenciais para a implementação do VMI. Assim que já estiver em funcionamento, verifique as informações e corrija o que for necessário, pois contribuirá para trazer dados precisos e proporcionar os ganhos abordados. A partir disso, você terá um histórico eficiente de todos os momentos nos quais a sua empresa tem uma previsão de vendas desejável, além de analisar todo um contexto externo antes de fazer o pedido de compras junto aos seus fornecedores.

      Mesmo com a experiência de anos por parte da equipe, existem pontos que não são considerados, justamente pela mudança constante do mercado e pela competitividade entre as empresas. Por essa razão, o VMI contribui para identificar alguns fatores inesperados, apresentando dados para que a equipe faça uma aquisição precisa de seus produtos, consiga a satisfação dos clientes e, ainda, melhore a comunicação com os fornecedores.

      Gostou de conhecer essas informações e deseja obter mais dados sobre o assunto? Entre em contato com a gente, converse com nossos profissionais e aplique esses diferenciais no seu negócio!

      Por:
      eSales
      do autor

      Comentários sobre este post