Otimize a relação com seus fornecedores e qualifique suas operações de Logística Inbound, com organização e agilidade a partir da automatização de processos relacionados com recebimento de carga.

Acompanhe indicadores de desempenho logístico e eleve o nível de suas operações de Logística Outbound com a integração de processos e automatização da troca de informações para maior visibilidade e eficiência de sua gestão.

Obtenha dados de suas vendas no varejo e de distribuidores para aumentar vendas, reduzir rupturas e perdas com informações compartilhadas para estruturar seus processos e auxiliar seu gerenciamento.

Aumente a sua demanda de transportes e seja encontrado por Embarcadores de todo o país.

Facilite a comunicação entre sistemas de gestão e diferentes bancos por meio da transferência de arquivos de forma ágil, íntegra e segura.

    Um sistema capaz de atender os processos de negócios de seus clientes empresariais sem necessitar o investimento em desenvolvimento de sistemas internos.

    O PagPlan é uma solução que permite o pagamento das principais contas de concessionárias (como água, luz, gás, etc.) e DETRANs: utilizando o cartão de crédito como meio de pagamento.

      O EDI Business é uma solução altamente customizável para gestão operacional e estratégica de arquivos.

      O EDI Enterprise oferece uma infinidade de recursos de intercâmbio de informações baseado em um conjunto de regras de envio e recepção, múltiplos protocolos de comunicação, além de topologia altamente flexível.

      Inovação e tecnologia aplicados a emissão, recebimento e armazenamento de documentos fiscais eletrônicos.

      Tecnologia para conectar transportadoras e embarcadores com inteligência e compliance.

      Blog

      Gestão de Vendas e VMI

      Gestão logística e trade marketing: entenda a relação

      2 anos atrás - por:

      gestão logística

      O trade marketing é um conjunto de práticas que engloba a indústria, os distribuidores e os pontos de venda. Isso possibilita o estabelecimento de parcerias com aspectos importantes e o desenvolvimento de canais de distribuição capazes de atender às necessidades dos clientes. Assim, é possível proporcionar uma boa experiência de compra, gerar a fidelização do público no PDV e, consequentemente, aumentar as vendas. Por isso, é preciso entender a sua relação com a gestão logística.

      Uma gestão logística eficaz é capaz de auxiliar para a obtenção de melhores resultados em trade marketing. Isso é feito por meio de ações que vão além do transporte de mercadorias, chegando também ao gerenciamento de dados e informações, que servirão como base para planejamento, fluxo, controle, armazenamento, distribuição e demais atividades.

      Quer entender os benefícios da relação entre trade marketing e gestão logística? Então, continue a sua leitura!

      O que é o trade marketing?

      O trade marketing é um ramo específico do marketing com foco no atendimento das demandas de vendas dos parceiros que integram a cadeia de produção. Dessa forma, o fabricante estabelece um contato entre cliente e a sua marca por meio de canais de distribuição, gerando uma série de vantagens. Entre alguns exemplos desse tipo de prática podemos apontar:

      • treinamento de promotores e vendedores;
      • merchandising e promoção;
      • relacionamento com o consumidor, entre outros.

      Ou seja, é uma área responsável por projetar ações de exposição do produto no ponto de venda, influenciando no marketing, na maneira como ele é distribuído e nas diretrizes do mesmo estabelecimento. É o fator que liga a indústria, distribuidor e varejo.

      Como o trade marketing e a gestão logística se relacionam?

      A função da gestão logística, quando o assunto é a sua relação com trade marketing, abrange muito mais que a gestão de informações úteis para o planejamento, armazenagem, desenvolvimento no PDV, controle do fluxo de entradas, saídas e demais. Quando falamos da cadeia de suprimentos, é importante ter em mente que a implementação dessa prática exige a inserção de ações estratégicas, que tenham um foco desde a compra de matéria-prima e insumos até sua rota e controle.

      Dessa forma, é preciso ter em mente que o processo só se finaliza quando o produto chega ao consumidor final. Por esse motivo, esse alinhamento entre as duas atividades deve voltar sua atenção para todas as etapas da venda, com a finalidade de identificar erros e evitar problemas que podem ocorrer, como a ruptura.

      Qual é a influência do trade marketing na gestão logística?

      Não há dúvidas da necessidade de uma gestão logística eficiente para a otimização das operações, qualidade dos serviços prestados e alcance dos melhores resultados. Entre os benefícios obtidos por meio de um gerenciamento logístico adequado estão a minimização dos custos operacionais, a melhor experiência de compra e a fidelização do público.

      É necessário entender a função do trade marketing nesse processo, tendo em vista que ele possibilita um melhor entendimento entre os pontos de venda de uma marca específica com os seus clientes. Com isso, aumenta a compreensão dos motivos que levam as empresas a investir nessa prática para aprimorar as operações e potencializar os resultados adquiridos na cadeia logística.

      Ao identificar melhor a importância da relação desses dois conceitos, é possível adequar os processos logísticos às reais demandas do negócio. Entretanto, para que isso ocorra, é necessário que a adaptação não considere apenas as necessidades dos consumidores como também as demandas dos canais comerciais. Ou seja, o trade marketing e a gestão logística estão alinhados em prol de um melhor suporte ao processo de vendas.

      Quais são os benefícios proporcionados pela integração do trade marketing e a gestão logística?

      Para o alcance de melhores números, é importante que a gestão logística considere perfil, demandas e preferências dos clientes. Além disso, precisa ter uma visão completa dos processos, possibilitando um acompanhamento efetivo de todas as etapas que compõem a cadeia de suprimentos.

      Quando aliada ao trade marketing, diversas vantagens podem ser usufruídas pelo negócio, como a tomada de decisões em dados precisos e concretos, integração das equipes, maior efetividade na obtenção de recursos para criar um planejamento mais eficiente e realista, controle sobre a armazenagem e a distribuição dos itens, fortalecimento da relação varejista e parceiros e melhora na qualidade de serviços.

      Mas os benefícios não param por aí, também é possível observar:

      • otimização de recursos financeiros;
      • estoque eficaz, gerado pelo aumento da eficiência na armazenagem e distribuição das mercadorias;
      • redução nos custos devido à eficiência na captação de recursos, estoques melhor gerenciados, estratégias mais efetivas, entre outros;
      • aumento dos resultados, pelo fato da ocorrência de integração entre dados;
      • aprimoramento da experiência de compra do consumidor final, que consegue observar os impactos da integração entre a gestão logística e o trade marketing. Afinal, o seu perfil e as suas necessidades foram analisadas e atendidas pelas duas áreas;
      • roteirização eficaz para os promotores nos pontos de vendas.

      Quais são os principais desafios na relação entre gestão logística e trade marketing?

      Assim como ocorre com a inserção de vários mecanismos no negócio, o relacionamento entre as duas áreas precisa superar alguns desafios. Veja os principais!

      Integração

      É necessário contar com as ferramentas certas para realizar a integração entre gestão logística e trade marketing. Tendo em vista que, sem elas, as duas áreas não conseguirão se comunicar, gerando um conflito de informações e estratégias. Esse erro vai gerar consequências como problemas no controle de estoque, entendimento equivocado a respeito do perfil e necessidades do consumidor, elaboração de ações ineficientes, entre outras.

      Negociação

      Essa é uma questão que, quando identificada na relação entre gestão logística e trade marketing, pode interferir no sucesso dos resultados relativos à interação com o varejista. Por exemplo, quando a estratégia desenvolvida na projeção de trade marketing é feita, é importante que as medidas adotadas sejam benéficas para fabricante, membros envolvidos na cadeia, varejistas e demais, gerando as melhores negociações possíveis.

      Contudo, para que isso aconteça, o ideal é contar com dados atualizados sobre os impactos que a estratégia terá em todas as áreas. Incluindo históricos e previsões obtidos por meio do uso da Inteligência Artificial, Big Data e demais auxílios tecnológicos.

      Conseguiu entender a importância da relação entre trade marketing e gestão logística? Para superar os principais desafios do dia a dia e usufruir de todos os seus benefícios, é importante contar com o auxílio da tecnologia, a fim de encontrar a solução mais adequada às características do seu negócio e atingir os melhores resultados.

      Este artigo foi interessante para você? Então, aproveite para compartilhar nas suas redes sociais e ajudar os seus contatos a entenderem um pouco mais sobre o tema!

      Por:
      eSales
      do autor

      Comentários sobre este post